Seguidores

quinta-feira, 27 de abril de 2017

Tomada de decisão onde existe a competência.


Tomada de decisão onde existe a competência.

Para conhecer efetivamente uma pessoa dê-lhe o poder, por isso empresas precisam estar atentas sobre quem escolher para as posições de comando.

As mudanças devem ser preparadas e executadas desde que se assegure que existam as competências essenciais para a implementação das mesmas.
Alguns funcionários são mais analíticos, outros são mais generalistas. No ambiente profissional existem funções que requerem perfis específicos, e o  líder pode não ter percepção para compreender os perfis dos funcionários e as necessidades das funções, o que pode fazer com que pessoas erradas sejam escolhidas para ocuparem posições de liderança.

Quem já não viu uma pessoa se transformar ao assumir um cargo de chefia. São os camaleões corporativos, eles mudam na proporção em que sentem o poder nas mãos. Na realidade para conhecer efetivamente uma pessoa dê-lhe o poder, por isso empresas precisam estar atentas sobre quem escolher para as posições de comando.

Não raro, encontramos situações onde um colaborador é promovido à incompetência. Por exemplo: um bom vendedor pode ser um mau gerente ou supervisor, ou pode ocorrer o caso de uma promoção se dar de forma precipitada, antes de um período necessário de preparação e adaptação ao novo cargo.

No caso de promoções para posições de liderança, é comum aos colaboradores assumirem tais posições sem a mínima preparação para isso. Quando isso ocorre, a última a ser responsabilizada é a empresa, que costumeiramente demite e culpa o funcionário que na realidade é mais uma vítima de uma administração incompetente.

O contrário também pode ocorrer. Há alguns anos atrás ao iniciar numa grande empresa, recebi a missão de demitir um supervisor que apresentava dificuldades para ser o gestor de um grupo. A demissão era certa, mas ao conhecer um pouco mais sobre o supervisor, constatei que se tratava um funcionário com conhecimento profundo do sistema integrado (ERP) da empresa. Em poucos meses a empresa iria implantar o sistema integrado SAP. Então convenci meus superiores a manterem o funcionário e o designarem como uns dos líderes do projeto de implementação do SAP.

Terminada a implantação no prazo, a atuação do supervisor foi destacada. A implantação foi um sucesso, e a atuação do funcionário que estava prestes a ser demitido foi fator chave para o sucesso do projeto. Por isso, ele continuou como líder dos módulos de controladoria e finanças ( FI e CO ), tornando-se um grande facilitador junto aos demais funcionários e assegurando alta qualidade nos dados obtidos e reportados pelo sistema.

Algumas decisões requerem ampla avaliação, estudos de cenários e estudos econômicos detalhados. No entanto, encontramos empresas que somam enormes perdas por decisões tomadas sem a avaliação necessária - nesses casos, as perdas serão uma consequência natural.  Muitas vezes essas empresas fazem estudos de viabilidade econômica, entretanto utilizam premissas erradas e quando o projeto entra em operação verificam que a realidade é outra.


Para acertar no processo de tomada de decisão é necessário que as competências necessárias estejam asseguradas. Isso requer conhecimento técnico, comprometimento e imparcialidade. 

Esta postagem é uma pequena parte do Ebook. 

LIDERANÇA ÉTICA e 
Competência - O único 
caminho! 
1


Quer adquirir uma apresentação completa sobre ética e nosso Ebook LIDERANÇA ÉTICA e Competência - O único caminho?

Receba também o Ebook - Papo de Controller com mais de 200 páginas

Envie um email para arilopes@folha.com.br - Apenas R$ 50,00

OU 

Contrate nossas Palestras com grandes descontos

Clique no Links abaixo

Grátis em Escolas e ONGs



Nenhum comentário:

Postar um comentário