Seguidores

quinta-feira, 27 de abril de 2017

Cooperação e confiança mútua no ambiente de trabalho

Esta postagem é uma pequena parte do Ebook. 

LIDERANÇA ÉTICA e 
Competência - O único 
caminho! 
1

Cooperação e confiança mútua no ambiente de trabalho.





A cúpula da empresa não pode ficar isolada e apenas recebendo e confiando nas informações de um grupo de gestores, que frequentemente são a causa de boa parte dos problemas encontrados nas empresas.


Bons líderes observam seus colaboradores e cuidam para que haja cooperação. Recomendo que as empresas informem aos recém admitidos no primeiro dia de trabalho que:
·         A empresa somente pode subsistir num ambiente de cooperação e confiança mútuos.
·         A ausência dessas posturas poderá ser considerado falta grave e elemento impeditivo da continuidade da relação do trabalho.
Ao detectar algum comportamento inadequado:
Gestores devem imediatamente intervir mediante:
·         uma abordagem direta
·         clara e
·         objetiva.
Presenciei inúmeros comportamentos antiéticos nas empresas. Muitas vezes comuniquei a meus superiores que com frequência ignorarem as situações.

O que ocorre em muitas empresas não é muito diferente do que o que vemos em outras instituições, como política, igrejas e até nas famílias.
                     
A confiança por parte dos liderados não vai ocorrer se o líder não se colocar de forma imparcial e justa, sem privilegiar um ou outro lado.
Mas será que essa é a regra nas organizações?


Há casos de liderados que muitas vezes chegam a posições de destaque apenas por contar com o forte apoio do seu superior devido amizade, favores pessoais ou outros fatores. Em décadas eu vi muitos casos onde a amizade era o que falava mais alto.
Certas situações que ocorrem com algumas lideranças geram um ambiente de insatisfações e frustrações, provocando grande desconforto para todo o ambiente corporativo.
Infelizmente muitas pessoas que são colocadas em cargos de liderança, chegam a essas posições despreparados e as organizações falham em não preparar pessoas para a liderança ou em não colocar de forma explícita o que a organização espera de seus líderes, ou até mesmo uma declaração do que se pode e do que não se pode como líder.
São poucas as empresas onde podemos encontrar um ambiente de cooperação e confiança mútua. As consequências dessa falta são as piores e chegam a implicar em:
·         baixa produtividade;
·         alto “turn over” de funcionários;
·         assédio moral;
·         Prejuizo na imagem e clima da empresa.


E a cúpula da empresa?

A cúpula da empresa não pode ficar isolada e apenas recebendo e confiando nas informações de um grupo de gestores, que frequentemente são a causa de boa parte dos problemas encontrados nas empresas.

E o papel da área de Recursos Humanos?

Uma área eficiente de recursos humanos com capacidade de avaliar e atuar para a otimização do clima interno é essencial.
Em empresas onde a área de recursos humanos não passa de um departamento pessoal, a cúpula da empresa deve assumir essa função e caso necessário deve se valer do suporte de consultoria especialista na área.

Boa parte das empresas possuem problemas de clima interno. O que varia é o grau e a importância que a cúpula dá ao problema.

Ao funcionário cabe a responsabilidade de buscar a melhor opção para o seu desenvolvimento profissional, bem como procurar influenciar positivamente no clima da empresa em que trabalha.

Fazer parte da Solução ou do Problema?

Empresas possuem funcionários que fazem parte dos problemas e outros que fazem parte das soluções.
Escolher os funcionários certos que façam parte da solução é umas das qualidades dos melhores líderes.

Infelizmente vemos funcionários que fazem parte dos problemas nas empresas sem que as mesmas tomem nenhum tipo de ação. Em alguns casos uma boa liderança até que poderia recuperar essas pessoas, já em outros somente a demissão ou realocação da pessoa poderia resolver.

CLIMA ORGANIZACIONAL DENTRO DA EMPRESA

O que influencia altamente no clima interno das empresas é o tipo de cultura. Empresas com cultura fraca tendem a ter mais problemas de clima.
Nessas empresas gestores ficam mais a vontade para imporem suas próprias condições, o que muitas vezes é nocivo para o clima da empresa.

Por outro lado, empresas com cultura forte limitam o gerenciamento não alinhado com a cultura da empresa.


Algumas empresas não possuem cultura alguma e o único objetivo é o lucro a qualquer preço. Funcionários inteligentes devem fugir desse tipo de empresa. Já outros funcionários permanecem por vezes reclamando anos a fio sem tomar nenhuma atitude.

Esta postagem é uma pequena parte do Ebook. 

LIDERANÇA ÉTICA e 
Competência - O único 
caminho! 
1


Quer adquirir uma apresentação completa sobre ética e nosso Ebook LIDERANÇA ÉTICA e Competência - O único caminho?

Receba também o Ebook - Papo de Controller com mais de 200 páginas

Envie um email para arilopes@folha.com.br - Apenas R$ 50,00

OU 

Contrate nossas Palestras com grandes descontos

Clique no Links abaixo

Grátis em Escolas e ONGs


Nenhum comentário:

Postar um comentário